Fonte: http://tropixel.ubalab.org

Esta semana ocorre em Ubatuba o Tropixel Labs:

Tropixel Labs é a quarta edição do evento que trabalha na fronteira entre arte, ciência, tecnologia e sociedade em Ubatuba/SP. Acontece entre os dias 22 e 24 de outubro, acompanhando a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (…)

Dentre as atividades haverá uma rodada sobre o projeto Ciência Aberta Ubatuba, oficinas de hardware aberto para pesquisa, e debates sobre ‘Educação Aberta’ e ‘Ciência, Tecnologia e Inovação’, além da exibição de filmes da mostra Bio-fiction.

Veja a programação completa no site do encontro.

Ciência Aberta 2015
Ni! Caros colegas,

Encontram-se abertas as chamadas para trabalhos acadêmicos, relatos de experiência e
laboratórios de capacitação (workshops) do terceiro encontro anual Ciência Aberta,
realizado em parceria com a OpenCon 2015.

O evento este ano acontece em São Paulo, entre a ECA-USP e o GHC, nos dias 25 a 28
de Novembro. Serão dois dias de capacitação e dois dias de seminário internacional.

Mais informações e os procedimentos para enviar propostas estão em:

https://www.cienciaaberta.net/encontro2015/

Dúvidas podem ser encaminhadas para o email: ca2015-equipe@googlegroups.com

Um abraço, participem e ajudem a divulgar!

Dr. Alexandre Hannud Abdo
http://cecm.usp.br/~eris/
Dr. Marcos Mucheroni
http://www3.eca.usp.br/cbd/marcos.mucheroni

Licença CC-BY; Fonte: https://flic.kr/p/r4gUDn
Open Con 2015

Estão abertas até 22 de junho as inscrições para interessados em participar da OpenCon 2015, que acontece entre os dias 14 e 16 de novembro em Bruxelas, Bélgica. A OpenCon é uma conferência voltada para estudantes e profissionais em início de carreira interessados/envolvidos na promoção do acesso aberto, da educação aberta, e dos dados abertos, na teoria e na prática – a programação inclui palestras, discussões, oficinas, hackatons e até um advocacy day com visitas ao Parlamento Europeu e outros órgãos (leia mais em nosso post anterior sobre o evento).

Bolsas integrais são oferecidas a todos os participantes que não podem arcar com os custos da viagem. Por causa disso, a participação é limitada. Interessados em uma vaga na conferência devem preencher até 22/6 o formulário disponível no endereço opencon2015.org/attend. As inscrições serão avaliadas em duas etapas, e os resultados finais serão divulgados até o dia 21 de julho. Para saber mais sobre o processo de inscrição, leia a FAQ.

A OpenCon é organizada pela Right to Research Coalition, SPARC, e um comitê formado por instituições e indivíduos de todo o mundo (eu, inclusive). Mais do que um evento anual, a intenção é construir uma comunidade – mesmo quem não conseguir ir a Bruxelas pode se inscrever na lista de discussão, participar das chamadas e webcasts mensais, ou até mesmo organizar eventos-satélite locais.

Divulguem e participem!

Iniciaram hoje as avaliações dos trabalhos recebidos pelo UEADSL provenientes de 8 estados brasileiros: Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Pará, pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro e Sergipe.

Este Congresso Nacional de caráter didático mostra mais uma vez sua força como recurso educacional aberto cujo principal propósito é trazer a público debates que, tradicionalmente, ficariam restritos ao espaço da sala de aula. Ao abrir essa discussão o evento não só convida à discussão pessoas normalmente dela excluídas como também enriquece o próprio debate na sala de aula.

No presente semestre, além dos já esperados autores contribuintes independentes, o evento conta com a participação de estudantes de graduação, pós-graduação e membros de grupos de pesquisa. Os principais temas submetidos foram Cultura Livre, Letramento Digital, Universidade e EAD e Universidade e Software Livre.

Cabe também destacar a Comissão Científica com membros de diversos estados brasileiros. O UEADSL é um evento totalmente online e sem custos para os participantes, promovido pelo grupo Texto Livre/Laboratório SEMIOTEC, da FALE/UFMG, desde 2010.

fonte: https://under-linux.org/entry.php?b=4286

Marcado com: , , , , , ,

O STIS – Seminários Teóricos Interdisciplinares do SEMIOTEC – é mais um dos eventos de livre acesso online promovidos pelo grupo Texto Livre, da FALE/UFMG.

Enquanto o EVIDOSOL/CILTEC-online tem como foco principal a divulgação científica no âmbito da cultura livre e o UEADSL é um evento de caráter didático, de formação de jovens pesquisadores, o STIS traz para as comunidades online debates científicos de ponta na interface interdisciplinar entre Linguística, Computação e Educação, dentre outras.

O evento é organizado na forma de seminários mensais, 8 por ano, e acontece na sala de conferências online disponível na página do evento, com acesso livre. Todas as conferências são registradas e ficam disponíveis para consulta após a realização do seminário.

Na próxima sexta-feira dia 17, às 14h (horário de Brasília) teremos uma conferência dupla com os professores e pesquisadores Ana Elisa Ribeiro, do CEFET-MG, e José Ribamar Lopes Batista Júnior, da UFPI. Os pesquisadores apresentarão, respectivamente, “Tecnologia e poder semiótico, escrever, hoje” e “Tecnologias Digitais no ambiente escolar em projetos de produção textual”. Maiores detalhes na página do STIS.

STISabril2015

Marcado com: , , , , , ,

Foi anunciada hoje a edição 2015 da OpenCon, conferência sobre acesso aberto, educação aberta e dados abertos voltada para estudantes e profissionais acadêmicos em início de carreira. Com o tema “Empowering the Next Generation to Advance Open Access, Open Education and Open Data”, o evento acontecerá entre os dias 14 e 16 de novembro em Bruxelas, Bélgica. A primeira OpenCon aconteceu no ano passado nos EUA, reunindo 115 pessoas de 39 países – entre eles a brasileira Renata Aquino, que relatou a experiência no seu blog.

Em 2014, a maioria dos participantes da OpenCon recebeu bolsas de viagem integrais, graças ao patrocínio de organizações como Max Planck Society, eLife, PLOS, e mais de 20 universidades. Isso deve acontecer também este ano. Por causa disso, a participação será limitada. As inscrições para uma vaga na conferência começam no dia 1° de junho de 2015.

A programação da OpenCon 2015 começará com dois dias de palestras e mesas-redondas em estilo mais tradicional combinadas com oficinas interativas, para aproveitar tanto a experiência dos líderes dos movimentos de acesso aberto, educação aberta e dados abertos quanto a experiência de participantes envolvidos em projetos bem-sucedidos. Patrick Brown e Michael Eisen, dois dos co-fundadores da PLOS, estão confirmados para uma das palestras principais do encontro. O terceiro e última dia repetirá a experiência do Advocacy Day – um treinamento rápido seguido da oportunidade de se reunir pessoalmente com representantes do Parlamento Europeu, da Comissão Europeia, de embaixadas, e de ONGs chave, para falar sobre os temas de interesse da conferência.

Neste ano será dado um destaque ainda maior à construção de uma comunidade em torno da OpenCon, incluindo a realização de eventos satélite – encontros organizados de forma independente misturando conteúdo da conferência principal com apresentadores locais. A Universidade Federal do Ceará organizou um desses em 2014 (apresentação disponível aqui), seria ótimo ver mais instituições brasileiras envolvidas este ano! As informações para interessados em organizar um evento satélite da OpenCon estão no site http://www.opencon2015.org/satellite.

A OpenCon 2015 está sendo organizada pela Right to Research Coalition, SPARC, e um comitê formado por instituições e estudantes de todo o mundo. Eu, Iara Vidal, faço parte desse comitê e estou muito animada com esta oportunidade! Espero ver alguns de vocês por lá.

As inscrições para a OpenCon 2015 começam em 1° de junho de 2015. Para mais informações sobre a conferência, visite www.opencon2015.org/updates.  Você também pode acompanhar a OpenCon pelo perfil oficial no Twitter, @Open_Con, ou usando a hashtag #opencon.

 

 Transmission_10fps2

Na próxima terça-feira (31/03/2015), à partir das 20h30 (horário de Brasília) , teremos a edição de março do nosso WebEncontro.

Nesse mês continuaremos usando, em caráter temporário, o serviço Google Hangouts On Air até descobrirmos um serviço baseado em tecnologias livres que funcione a contento.

O Hangouts tem uma capacidade máxima de 10 pessoas. Portanto, se houver mais de 10 pessoas presentes, haverá uma fila de espera pra falar.
Enquanto aguardam na fila de espera, as pessoas poderão interagir com aquelas pessoas que estiverem falando através do recurso de chat do hangouts, ou através no canal #cienciaaberta na Freenode.

No espírito de que somos uma comunidade que preza pela colaboração livre e aberta de seus membros, segue o link do pad para que que registrem sugestões de pautas e sua participação no WebEncontro.

Mais informações sobre o evento, e o registro das edições anteriores pode ser encontrado no endereço
https://pt.wikiversity.org/wiki/Encontro_virtual_do_GT_Ci%C3%AAncia_Aberta

Consulta: Quando é bom pra você?

Gostaríamos de saber qual o melhor horário para todas as pessoas. Pra isso preparamos uma consulta, que você pode participar clicando aqui. Essa consulta será encerrada no próximo dia 15 de Abril.Para participar, basta colorir os horários que são bons pra você. Esses horários se referem a última semana de cada mês, aqui entendida como sendo os últimos 7 dias do mês.
.
Os resultados dessa consulta serão implementados à partir da edição de abril do WebEncontro.

College library
Fotografia de Paul Stainthorp licenciada sob CC-BY e disponível em https://www.flickr.com/photos/pstainthorp/7457308888.

No dia 12 de Março é o Dia do Bibliotecário e o Sistema Integrado de Bibliotecas da Universidade de São Paulo (SIBiUSP) estará promovendo um encontro comemorativo no Auditório Carolina Bori localizado no Instituto de Psicologia da USP das 14:00 às 17:00.

O encontro contará com uma breve palestra de

  • Prof. Dr. Murilo Bastos da Cunha – UnB
  • Prof. Dr. Demi Getschko – NIC.br
  • Profa. Dra. Kelly Rosa Braghetto – IME US
  • Raniere Gaia Costa da Silva – UNICAMP

que posteriormente participaram de uma mesa redonda mediada pela Profa. Dra. Regina Melo Silveira, EP USP, sob o tema “Semeando na Nuvem – A biblioteca, a inovação e a produção de conhecimento”.

Existem várias propostas interessantes que podem ser levadas para essa mesa redonda como, por exemplo, o uso de wikis como plataforma para relatórios/dissertações/teses/… que foi levantado pelo Leandro Andrade na lista de email. Se alguém desejar que eu leve alguma questão para o encontro pode utilizar os comentários desse blog, enviar um email para a lista ou entrar em contato direto comigo.