Seminário Ciência Cidadã e determinação social da saúde: desafios e perspectivas

Texto de Alessandra dos Santos.

Boa tarde, pessoal. Peço licença para chamar a todos os interessados em discutir ciência cidadã, ciência aberta e afins para participar do Seminário Ciência Cidadã e determinação social da saúde: desafios e perspectivas.

CARTAZ_Evento-PPGICS-2015

O Programa de Pós-Graduação em Informação e Comunicação em Saúde, PPGICS/Icict/Fiocruz, inter e transdisciplinar por natureza, se abre como um campo privilegiado para discutir essa inflexão do conhecimento cientifico, que traz o imperativo da abertura e da participação; da mistura e da reflexividade. Que trajetórias podem ser pensadas, inventadas e traçadas para contribuir com essa nova política é o que se objetiva abrir para discussão.

Dois palestrantes vão debater os temas: os professores doutores Sarita Albagli (Instituto Brasileiro em Informação, Ciência e Tecnologia) e Luis David Castiel (Escola Nacional de Saúde Pública). A mediação será realizada pela professora da Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio, Drª. Márcia Teixeira.

O evento é uma realização da turma de doutorado de 2014 do programa, por meio da disciplina Seminários Avançados I, sob orientação da professora Drª Cristina Guimarães.

As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas por este formulário.

Outras informações podem ser encontradas na página do facebook do evento.

Serviço

O que: Seminário Ciência Cidadã e determinação social da saúde: desafios e perspectivas

Quando: 03 de julho, sexta-feira

Horário: 13h30 às 16h30

Local: Auditório do Instituto de Comunicação e Informação Tecnológica e Científica (Icict), localizado à Av. Brasil, 4.365, Biblioteca de Manguinhos – Pavilhão Haity Moussatché – sala 202 – Campus da Fiocruz, Manguinhos.

Atenção alunos!! Daremos certificado de presença mas para isso é preciso se inscrever no evento!!

Obrigada pela divulgação, Grupo de trabalho em Ciência Aberta!

Saudações!

Turma de doutorado 2014 PPGICS/Fiocruz

Um dos facilitadores do grupo e pesquisador no laboratório LISIS-IFRIS em Paris, desenvolveu pesquisas na FMUSP, Fiocruz, Columbia University e IFUSP. Também é um cavaleiro que diz... Ni!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*