Reflexões sobre "Oficina de Cadernos de Pequisas Abertos" na UFC

Raniere ministrando oficina na UFC.

No início da semana passada ocorreu uma oficina, de dois dias, focada em cadernos de pesquisas abertos na Universidade Federal do Ceará.

A começou com uma palestra do Luiz Carlos Irber Júnior sobre o tema e como ele aplica esse conceito no seu dia a dia como doutorando na Michigan State University sob a supervisão do Dr. C. Titus Brown. A palestra foi muito interessante e encontra-se disponível para quem desejar assistir.

Depois da palestra inicial teve uma pausa para o almoço e durante a parte da tarde foi apresentado a linguagem de marcação Markdown e a ferramenta para controle de versão Git em conjunto com o GitLab.

Pelo feedback que tivemos dos alunos, eles gostaram das atividades realizadas na parte da tarde.

No dia seguinte, focamos na reprodutibilidade. Para isso utilizamos a linguagem Python como meio de mostrar que é possível desenvolver uma pesquisa facilmente reprodutível por outros.

Infelizmente a presença no segundo dia foi pequena e ainda estamos tentando descobrir o motivo.

2 comentários sobre “Reflexões sobre "Oficina de Cadernos de Pequisas Abertos" na UFC
  1. Izabel disse:

    A oficina foi muito boa. Ajudando a elucidar a dúvida: fui trabalhar.
    Uma sugestão: Tentar inserir a oficina na programação de umevento maior, pois isso poderia ampliar o alcance.

  2. Eve Ac disse:

    Totalmente leiga no assunto, participei da oficina por curiosidade e um mundo começou a se abrir. Achei a iniciativa maravilha! Penso que seja importante incentivar o uso dessas ferramentas haja vista acabarem restritas a determinadas áreas. Seus usos são multidisciplinares e é um alívio descobrir qualquer pequeno poder ao lidar com softwares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*